Pular para o conteúdo principal

Os Covardes Não Entrarão no Reino de DEUS!


Os covardes não entrarão no Reino de Deus.




As Escrituras nos ensinam com abundante clareza que sem fé é impossível agradar a Deus. Nenhuma boa obra é considerada como tal aos olhos de Deus se não tiver como fim supremo a glória do Criador.

A vida de fé tem características bem definidas. Se fosse defini-la à luz do que ela não é, diria que a vida de fé não pode ser considerada um salto no escuro. O que crê anda na luz. Sabe porque salta e conhece quem o ampara. O crente pode sempre dizer: "eu sei em quem tenho crido, e estou certo que ele é poderoso para guardar o meu depósito até o dia final".

Uma marca da fé autêntica é a capacidade de continuar se movendo apesar de não conseguir enxergar um palmo à frente. Sei que a minha vida está ancorada num amor imutável, que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e que nada me separará do amor de Deus que está em Cristo. Essa fé é retrospectiva (faz-me olhar para um amor antigo) e é prospectiva (faz-me olhar para um amor que nunca me abandonará). As certezas eternas da fé, no entanto, não nos impedem de ter que conviver com as incertezas temporais da vida de fé. Sei que nada me separará desse amor, mas não sei o que esse amor reservou para o meu futuro. Não se trata da incerteza referente ao amor, mas da incerteza referente ao curso temporal futuro da vida.

Essas incertezas surgem especialmente quando a consciência sente a pressão da obrigação moral que expõe a vida a riscos inevitáveis. A fé, nessa hora, se apresenta ao homem cuja consciência encontra-se sob um fardo que não pode ser removido, sugerindo-lhe fidelidade a Deus com base em firmes e invioláveis promessas. O crente, sendo assim, pela fé avança, tendo que muitas vezes atravessar um grande e espesso nevoeiro, sem saber o que a sujeição da vida a Deus haverá de lhe reservar para a vida.

Todas as histórias que um dia ouvi falar sobre andar pela fé, carregar a cruz, seguir a Cristo, botar a vida no altar em oferta a Deus, ganharam um novo sentindo para mim nesses últimos anos. Descobri que eu não sabia com exatidão o que tudo isso significava.

Os covardes não entrarão no Reino de Deus. O covarde é aquele que é fiel apenas sob certas circunstâncias. Ser fiel apenas quando a submissão da vida à vontade de Deus não põe a existência em risco, não ameaça planos pessoais e a razão não tem que aprender a sossegar apenas com base na fé pura, não é crer com o tipo de fé que faz Deus se deleitar com a vida daquele que diz crer.

Uma das canções brasileiras mais belas é a que diz: "Nada temer senão o correr da luta, nada a fazer senão esquecer o medo...". O cristão é alguém que teme mais perder o ser do que a vida.



Antônio Carlos Costa é pastor presbiteriano.
Fonte:http://www.genizahvirtual.com/2013/03/os-covardes-nao-entrarao-no-reino-de.html

Que o SENHOR tenha misericórdia de nós! AMÉM!

Comentários

Nágila Souza disse…
Boa reflexão, é hora de colocar a mão na consciência e ver se realmente não estamos temendo perder status, posição no lugar onde habitamos, importa mais ser fiel e ter certeza da salvação do que, ficar perdendo tempo querendo ser muita coisa e perder a nova morada celestial, por covardia, quando Deus estava escolhendo os homens para irem a luta junto com Gideão o Senhor mandou voltar os covardes e medrosos e nos dias de hoje não é diferente. Deus tenha misericórdia de nós.
http://honrandoochamado.blogspot.com.br/
Marcio Mendes disse…
Obrigado pelo comentário minha querida irmã sumida!

Depois falamos!
Algum tempo que não visitava o seu blog, hoje encontrei-o e vim fazer uma visita.O medo provoca covardia e esta leva a pessoa ao isolamento. Dos tímidos não reza nem fazem a história, Ele nos chamou para confiar-mos nEle, claro se olharmos para a nossa capacidade é de ficar com temor, mas quando levantamos os nossos olhos e vemos o Grande Deus que nos tem na Palma das Suas Mãos então não há que ter medo. Bom texto.
É para mim uma alegria ver o seu trabalho, e a sua dedicação em anunciar a Palavra.
António.
Ps. Meu blog é o Peregrino E Servo.

Postagens mais visitadas deste blog

5 Expressões Sem Sentido Usadas na Igreja Hoje!

As 5 expressões evangélicas mais sem sentido usadas nas Igrejas
5 – EXORTAR Essa expressão é usada de modo equivocado em 100% das Igrejas. Segundo qualquer dicionário, exortar significa “animar, incentivar, estimular”. Logo, exortar o irmão que está em pecado na verdade não significa repreende-lo. Quem está vivendo no erro não precisa de um incentivo, mas de um auxílio. 4 – LEVITA Essa morreu no Antigo Testamento. Os Levitas eram descendentes da Tribo de Levi, e eram encarregados de TODO O SERVIÇO no Templo. Mas Levita tem sido usado como sinônimo de músico. Besteira pura! Pra começar a música no serviço levítico era a menor das tarefas. A faxina, organização e carregar peso nas costas, isso sim era a parte mais importante do trabalho. Levando em conta que não somos judeus, não somos descendentes daquela tribo e também lembrando que o Templo não existe mais, então estamos dispensados do serviço levítico. Músico é músico. Ponto.
3 – PROFETA Segundo a bíblia, profeta é aquele que revela a von…

95 Teses para a Igreja de Hoje

Reafirmamos a necessidade das 95 teses de Lutero para Igreja. Há uma necessidade de uma Reforma nos dias atuais!
1 – Reafirmamos a supremacia das Escrituras Sagradas sobre quaisquer visões, sonhos ou novas revelações que possam aparecer. (Mc 13.31) 2 – Entendemos que todas as doutrinas, idéias, projetos ou ministérios devem passar pelo crivo da Palavra de Deus, levando-se em conta sua total revelação em Cristo e no Novo Testamento do Seu sangue. (Hb 1.1-2) 3 – Repudiamos toda e qualquer tentativa de utilização do texto sagrado visando a manipulação e domínio do povo que, sinceramente, deseja seguir a Deus. (2 Pe 1.20) 4 – Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus e que contém TODA a revelação que Deus julgou necessária para todos os povos, em todos os tempos, não necessitando de revelações posteriores, sejam essas revelações trazidas por anjos, profetas ou quaisquer outras pessoas. (2 Tm 3.16) 5 – Que o ensino coerente das Escrituras volte a ocupar lugar de honra em nossas igrejas. Que haja …

Denúncia na igreja do evangelho quadrangular!

PASTORA DENUNCIA LIDERANÇA DA IGREJA DO EVANGELHO QUADRANGULAR Comentário de Wagner Lemos (ex-membro dessa empresa que muitos chamam de Igreja Quadrangular): Como membro da Quadrangular a mais de 15 anos sei de muita coisa ali… e o que é escancarado é nossa liderança corrupta! Que vê as igrejas como empresas e sua membresia como clientes. Tenho um amigo pastor que foi designado para pastorear uma igreja Quadrangular numa cidade vizinha a nossa, e quando retornou me contou com lagrimas nos olhos: A reunião de liderança da minha região é uma vergonha! Tive que ouvir coisas como: Bater metas financeiras… Arrecadação… Propósitos… Não ouve a menção de almas! Apenas dinheiro… Parecia estar numa reunião de empresários sem ser uma… E esse vídeo que achei na internet só comprova aquilo que já sabia a muito tempo! Os pastores do alto escalão, normalmente os responsável por cada região sobrevivem das igrejas de bairro. Os pastores se viram como podem para manter a igreja e ainda enviar a porcent…