Pular para o conteúdo principal

PROSPERIDADE OU CONTENTAMENTO?

PROSPERIDADE OU CONTENTAMENTO?

prosperidadePor Guilherme Barros
Em meio a tantos ataques de falsos mestres a igreja de Cristo, muita gente honesta e temente a Deus têm se levantado para defender fielmente a Sã Doutrina. Um dos falsos ensinos que vem causando grande repercussão e discordância entres os fiéis hoje, é a chamada “Teologia da prosperidade”. Que usa um princípio bíblico do cuidado e sustento que Deus prometeu ao seu povo e o utiliza para justificar sua ganância e seus caprichos. E o pão de cada dia é substituído pelo caviar, que não pode faltar na casa de um dos “filhos do Rei”.
Muitas das pessoas que defendem a teologia da prosperidade, usam textos do antigo testamento onde Deus faz promessas de prosperidade a nação de Israel para justificar suas reinvindicações de luxo ao Deus altíssimo. Para deixar mais claro o cuidado que devemos ter nessa situação, faço minha as palavras de John Piper: “No Antigo testamento Deus glorificou amplamente a si mesmo ao abençoar Israel, de modo que as nações pudessem ver e saber que o Senhor é Deus. (1Reis 8.59-60)[...] Israel não foi enviada como uma “Grande Comissão” para ajuntar as nações; pelo contrário, ela foi glorificada para que as nações vissem sua grandeza e viessem a ela. Então quando Salomão construiu o templo do Senhor, foi espetacularmente abundante em revestimentos de Ouro(1Reis 6.20-22).”
O padrão do antigo testamento é o “venha-ver”. Existe um centro geográfico do povo de Deus, com um templo físico, um rei terreno, um regime político, uma identidade étnica, um exército terreno, e uma equipe de sacerdotes para fazer os sacrifícios.
Mas a vinda de Cristo mudou tudo isso. Como Jesus falou a mulher Samaritana não há mais espaço físico para o Cristianismo. Cristo substituiu o templo e os sacerdotes e os sacrifícios. O padrão não é mais o “Venha ver”, mas o IDE!
A grande comissão que Cristo anuncia nos evangelhos afirma: “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém.” Mateus 28:19-20.
Essas palavras nos trazem sérias implicações. Nós somos peregrinos e forasteiros nessa terra, nós não podemos usar esse mundo como se fosse nosso lar permanente! Isso nos faz entender as ilustrações militares que Paulo usa para descrever a caminhada Cristã. Nós vivemos em pé de guerra! Nós devemos viver de maneira que tudo possa nos impulsionar cumprir a missão da melhor forma possível. Temos que trabalhar de modo que nossos esforços contribuam para nossa missão. Temos educar as crianças para que elas cresçam e abracem a causa missionária.
O exemplo deixado pelos Apóstolos nos ensina a lutar, sofrer, e até mesmo morrer pela causa de Cristo. Claramente a ênfase Neotestamentaria não está em viver de forma que ostentemos com nossos bens que somos Filhos de Deus. Mas em MORRER para este mundo. A ênfase dada pelos pregadores da prosperidade, embora eles afirmem ser, não é bíblica. (Devemos lembrar que o Diabo usou a Bíblia erroneamente ao tentar Jesus.) Há inúmeros textos no Novo-Testamento alertando para o cuidado que devemos ter com nossas pretensões gananciosas, e nos exortando á estarmos contentados com o que temos!
Para terminar esta reflexão, faço uso das palavras do inspirado Apóstolo Paulo:
De fato, a piedade com contentamento é grande fonte de lucro, pois nada trouxemos para este mundo e dele nada podemos levar; por isso, tendo o que comer e com que vestir-nos, estejamos com isso satisfeitos.
Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição, pois o amor ao dinheiro é raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram a si mesmas com muitos sofrimentos.
Você, porém, homem de Deus, fuja de tudo isso e busque a justiça, a piedade, a fé, o amor, a perseverança e a mansidão.
Combata o bom combate da fé. Tome posse da vida eterna, para a qual você foi chamado e fez a boa confissão na presença de muitas testemunhas.”
1 Timóteo 6:6-12
***

Guillherme é estudante de administração, músico, e escreve no blog da UMP da Quarta. Divulgação:Púlpito Cristão.
Que o SENHOR tenha misericórdia de nós! AMÉM!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

5 Expressões Sem Sentido Usadas na Igreja Hoje!

As 5 expressões evangélicas mais sem sentido usadas nas Igrejas
5 – EXORTAR Essa expressão é usada de modo equivocado em 100% das Igrejas. Segundo qualquer dicionário, exortar significa “animar, incentivar, estimular”. Logo, exortar o irmão que está em pecado na verdade não significa repreende-lo. Quem está vivendo no erro não precisa de um incentivo, mas de um auxílio. 4 – LEVITA Essa morreu no Antigo Testamento. Os Levitas eram descendentes da Tribo de Levi, e eram encarregados de TODO O SERVIÇO no Templo. Mas Levita tem sido usado como sinônimo de músico. Besteira pura! Pra começar a música no serviço levítico era a menor das tarefas. A faxina, organização e carregar peso nas costas, isso sim era a parte mais importante do trabalho. Levando em conta que não somos judeus, não somos descendentes daquela tribo e também lembrando que o Templo não existe mais, então estamos dispensados do serviço levítico. Músico é músico. Ponto.
3 – PROFETA Segundo a bíblia, profeta é aquele que revela a von…

Denúncia na igreja do evangelho quadrangular!

PASTORA DENUNCIA LIDERANÇA DA IGREJA DO EVANGELHO QUADRANGULAR Comentário de Wagner Lemos (ex-membro dessa empresa que muitos chamam de Igreja Quadrangular): Como membro da Quadrangular a mais de 15 anos sei de muita coisa ali… e o que é escancarado é nossa liderança corrupta! Que vê as igrejas como empresas e sua membresia como clientes. Tenho um amigo pastor que foi designado para pastorear uma igreja Quadrangular numa cidade vizinha a nossa, e quando retornou me contou com lagrimas nos olhos: A reunião de liderança da minha região é uma vergonha! Tive que ouvir coisas como: Bater metas financeiras… Arrecadação… Propósitos… Não ouve a menção de almas! Apenas dinheiro… Parecia estar numa reunião de empresários sem ser uma… E esse vídeo que achei na internet só comprova aquilo que já sabia a muito tempo! Os pastores do alto escalão, normalmente os responsável por cada região sobrevivem das igrejas de bairro. Os pastores se viram como podem para manter a igreja e ainda enviar a porcent…

95 Teses para a Igreja de Hoje

Reafirmamos a necessidade das 95 teses de Lutero para Igreja. Há uma necessidade de uma Reforma nos dias atuais!
1 – Reafirmamos a supremacia das Escrituras Sagradas sobre quaisquer visões, sonhos ou novas revelações que possam aparecer. (Mc 13.31) 2 – Entendemos que todas as doutrinas, idéias, projetos ou ministérios devem passar pelo crivo da Palavra de Deus, levando-se em conta sua total revelação em Cristo e no Novo Testamento do Seu sangue. (Hb 1.1-2) 3 – Repudiamos toda e qualquer tentativa de utilização do texto sagrado visando a manipulação e domínio do povo que, sinceramente, deseja seguir a Deus. (2 Pe 1.20) 4 – Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus e que contém TODA a revelação que Deus julgou necessária para todos os povos, em todos os tempos, não necessitando de revelações posteriores, sejam essas revelações trazidas por anjos, profetas ou quaisquer outras pessoas. (2 Tm 3.16) 5 – Que o ensino coerente das Escrituras volte a ocupar lugar de honra em nossas igrejas. Que haja …