Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

A Outra Face da Graça!

Imagem
A outra face da Graça

Rubinho Pirola


Aprendemos desde pequenos, que graça é um favor imerecido.
Correto. Mas ainda não de todo.
Tratando-se da Graça de Deus, trazida a nós no seu culminar - no favor de Cristo, na plenitude dos tempos, na entrega do Unigênito Filho de Deus para resolver a nossa questão - existe algo a mais na sua definição.
Se graça fosse somente um favor ofertado a quem não merece, o diabo e seus demônios estariam igualmente debaixo de graça, mas isso não é verdade.
Pensemos bem: Se Deus pode destruir o inimigo, o aproveitador, o acusador das nossas almas e mentes, e não o faz, quer dizer que Ele não o está premiando, beneficiando-o de maneira nenhuma. Há um plano que às vezes nos escapa à razão. Deus que não tem absolutamente no diabo e seus anjos, inimigos à Sua altura, não destruindo-os, não põe-nos debaixo de um favor imerecido, como premia aos Seus filhos. Se assim fosse, teríamos de os expulsar pedindo um favor aos "colegas" ou aos irmãos.
Já pensou?
&q…

Pornografia - O que é e como se livrar dela!

Imagem
PORNOGRAFIA – O QUE É E COMO SE LIVRAR DELAQuando alguém for tentado, jamais deverá dizer: “Estou sendo tentado por Deus”. Pois Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. Cada um, porém, é tentado pela própria cobiça, sendo por esta arrastado e seduzido. Então a cobiça, tendo engravidado, dá à luz o pecado; e o pecado, após ter-se consumado, gera a morte. (Tiago 1:13-15 NVI) Walter McAlister Li recentemente um artigo na revista cristã“First Things” que me mostrou a essência da pornografia: não é social nem uma expressão de carência afetiva ou física, mas a expressão de um problema espiritual da maior gravidade. A raiz da questão se acha num dos “oito pecados mortais”. Muitos conhecem os, ditos, sete pecados capitais. Mas, historicamente, sempre houve oito. O que caiu em “desuso”, por assim dizer, é o conhecido como “Acédia” (uma palavra do latim que ainda não tem uma correspondência na língua portuguesa moderna). Esse pecado pode ser definido como “o vício de duvidar do am…

Como uma onda no mar... O declínio dos moveres!

Imagem
Como uma onda no mar... O declínio dos moveres
Hermes C. Fernandes

De alguns anos para cá, fala-se muito de “moveres” supostamente protagonizados pelo Espírito Santo com o objetivo de despertar a fé dos crentes. Já vivenciei alguns deles, ainda que não tenha me envolvido diretamente.
Antigamente, falava-se de avivamento, e isso mantinha nos crentes certa expectativa sobre a intervenção soberana de Deus na história. Países como o de Gales foram cenários desses despertamentos espirituais, que resultaram em conversões em massa e transformações sociais profundas. Diz-se que graças ao avivamento metodista, a Inglaterra não teria mergulhado numa revolução sangrenta semelhante à vivida pela França na mesma época.
Agora a moda é falar de “moveres”. Segundo seus defensores, seriam “ondas” geradas pelo Espírito, visando o crescimento da igreja.
Tal expectativa nos remete à crença nutrida pelos judeus contemporâneos de Jesus de que um anjo vinha de tempo em tempo agitar as águas de um tanque cham…

Alma de Mártir!

Imagem
ALMA DE MÁRTIR Por Joacy Júnior Senhor, se em chamas ardentes
Quiserem me colocar,
Irei confiante, de alma triunfante,
Pois sei que comigo estás. Se os chicotes da vida quiserem me açoitar,
Verei os vergões nas costas a ficarem.
Se os meus pés em grilhões não pararem de sangrar,
Ainda assim à meia noite eu irei Te louvar. Continuarei o meu rumo
Visando o teu rosto.
Ainda que em cova profunda
Encontre leões ferozes, atrozes e sôfregos. E na caminhada ao céu
Seguirei Tua luz,
Pois um dia vi Teu semblante agonizante
Entre os braços da cruz. Por isso Senhor
As pedras que me atinjam,
Mas Teu amor não negarei; Mesmo morrendo,
Mas com gozo na alma
Um mártir serei. Recebe Senhor o meu espírito
E não lhes impute o pecado.
Tenha-me em Teu Reino
Como um bem aventurado. Entrego-te a minha vida,
Pois é ela o meu tudo.
Meu espírito Te reverencia:
“Ave Christe, moritura te saluto*” * Isto é: “Salve, ó Cristo, morrendo te saúdo”. Costumavam os gladiadores pagãos, agonizantes, lançar ao ar um punhado de sangue e saudar o im…

A necessidade de um estado laico!

Imagem
A necessidade de um estado laico
Johnny Bernardo
Se no ditado popular "religião e política não se discute", na vida pública a distância entre Estado e Religião deve ser preservada. A teocracia, comum em alguns países árabes, tem como marco principal a interferência - não divina, mas religiosa - no cotidiano das pessoas. A interferência por vezes é caracterizada por imposições doutrinárias, punições aos delitos e perseguição às religiões concorrentes. Nos estados confessionais, apesar de garantida a liberdade de culto aos demais credos religiosos, há primazia e até favorecimento da religião oficial. 
Nos países seculares ou laicos - mesmo que mantida a distância entre religião e Estado – há uma forte influência das organizações religiosas, pondo em risco os limites estabelecidos pelo republicanismo. Estados Unidos e Brasil são dois países onde a religião é tema frequente de debate e disputa política. A formação histórica explica, em parte, a presença da religião na vida política…

Existe realmente poder em nossas palavras?

Imagem
Existe realmente poder em nossas palavras? .
Por Antônio Pereira Jr.
Há alguns dias entrei numa livraria evangélica. Olhando as novidades, vi, estupefato, que as obras que estavam à vista eram aquelas que falavam sobre o poder inerente da língua. Como: “Há poder em suas palavras”, “Zoe: a própria vida de Deus”, “A sua saúde depende do que você fala”, etc.

Conversando com a atendente perguntei-a sobre os livros que estavam mais escondidos, como por exemplo, os livros de teologia, de referências, de história da Igreja, etc. Ela respondeu-me que são livros que não sai das estantes, a não ser que algum pastor, professor ou seminaristas venham a adquiri-los. E disse-me que mais de 90% das pessoas que frequentam a livraria só compram livros dessa “nova teologia”.

É lamentável que isto seja um reflexo da falta de conhecimento da Igreja hodierna. As pessoas não querem mais pesquisar a fundo o que se vende ou se escuta por ai. Só querem bênçãos, sem se importar com o abençoador. Querem as coisas de…

O Deus dos derrotados!

Imagem
O Deus dos derrotados




- Esperança para quem perde a concorrência da vida.



MANOEL SILVA FILHO


Todos na vida querem ser um Ayrton Senna, nunca Rubinho Barrichello. Porque desde pequeno somos convencidos que o mundo é dos que vencem. A lei universal da sobrevivência do mais forte sobre o mais fraco já se estabelece muito cedo na concorrência das relações familiares entre irmãos, nas disputas das brincadeiras de rua, e depois no colégio, quando somos compelidos a entrar na corrida desleal de quem é mais inteligente, mais bonito, de quem decora mais, quem tira a nota maior, de quem joga mais, desenha mais, escreve mais, e de quem consegue mais garotas. Na faculdade a história se repete e igualmente na especialização, no mestrado, no doutorado, no trabalho, na repartição, no departamento, na fábrica, no balcão. Sim, você pode argumentar e tentar me convencer que existe o lado positivo disso, que é bom pra incentivar garra e senso de valor.

Mas convenha comigo, sempre a concorrência exalta uns …

2 Superstições Evangélicas!

Imagem
DUAS SUPERSTIÇÕES EVANGÉLICASPor Cicero Pereira Pode parecer um disparate falar de superstição em meio aos evangélicos. Mas considerando superstição como crendice nascida e estabelecida em um meio, duas coisas me chamam a atenção nesse nosso universo. A primeira é a situação de muitos pensarem que o que os torna cristãos é o fato de estarem numa igreja local. Ledo engano. O que nos torna cristãos é o novo nascimento. Quem coloca sua fé na igreja local não passa de um mero religioso. E isto é muito sério, pois quando se tem essa visão de cristianismo, termina se evangelizando mostrando a conversão como simplesmente mudar de religião. Em Mt 3.7-9, João Batista critica exatamente esta classe de pessoas ( Vendo ele, porém, que muitos fariseus e saduceus vinham ao batismo, disse-lhes: Raça de víboras, quem vos induziu a fugir da ira vindoura? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento; e não comeceis a dizer entre vós mesmos: Temos por pai a Abraão; porque eu vos afirmo que destas pedr…

A Ira é essencial!

Imagem
A IRA É ESSENCIAL


Paul David Tripp


Neste mundo que tem sido terrivelmente arruinado pelo pecado, onde nada funciona como era para ser e onde o mal, muitas vezes, tem influência mais imediata do que o bem, seria errado não ficar irado. Como você pode olhar de frente para a pobreza e não ficar irado? Como pode considerar o crescimento das doenças sexualmente transmissíveis e não ficar irado? Como pode olhar para a corrupção política, que usa de cargos de governo para o poder pessoal mais do que para a proteção da sociedade, e não ficar irado? Como pode olhar para a taxa de divórcio na cultura ocidental, ou a prevalência da violência doméstica, e não ficar irado? Como pode ver o grande número de sem-teto que vagueiam pelas nossas ruas e não ficar irado? Como você pode ver a confusão de identidade de gênero e a imoralidade sexual que nos rodeia e não ficar irado?
Como você pode ver o estado de nossas instituições educacionais, das artes e do entretenimento e não ficar irado? Como pode olhar…

Minha Despedida do Mundo "GOSPEL"

Imagem
MINHA DESPEDIDA DO MUNDO “GOSPEL”Por Walter McAlister Em meu mais recente post publicado neste blog mencionei que a denominação que lidero, a Igreja Cristã Nova Vida, recebeu a notificação de uma entidade representativa de milhares de compositores de música “gospel” acerca de recolhimento de direitos autorais. O texto foi redigido com angústia e ao escrevê-lo abri inclusive uma exceção na minha decisão pessoal de nunca citar nominalmente pessoas ou grupos que considero estarem incorrendo em erro. Houve repercussão. Desde então, muito foi dito sobre o assunto, por milhares de pessoas. Fui apontado como o pivô de uma polêmica nacional, o que me deixou mortificado. Saí da minha área de atuação, para onde pretendo voltar. Todavia, há coisas que aprendi e que preciso esclarecer. Como disse, nossa igreja recebeu uma carta de uma entidade representativa de compositores “gospel” (carta esta que postei na minha página do Facebook). Em reportagem na Internet vi que sua liderança negou que tenha…