Pular para o conteúdo principal

O Pior Tipo de Desviado!


Por Renato Vargens
Certa vez ouvi do Dr. Shedd a afirmação de que em nosso país existem aproximadamente trinta milhões de pessoas que um dia frequentaram nossas igrejas, e que por motivos diversos já não o fazem mais. De fato, é extremamente comum observarmos por todos os lugares deste país, ex-cristãos que distantes da comunhão com Deus, do relacionamento da igreja, e do convívio dos irmãos, mergulharam novamente no pecado.
Bom, antes de qualquer coisa, vale a pena ressaltar que ao escrever este texto não o faço com  o desejo de discutir  se os crentes em Jesus podem ou não cair da graça, isso fica para uma outra oportunidade. Na verdade,  a minha proposta é tratar de forma específica daqueles que pelos motivos mais diversos abandonaram a fé.

Caro leitor, dentre aqueles que outrora frequentaram os nossos templos,  encontramos individuos que voltaram a se drogar, a se prostituir, além é claro de cometer do tipo de pecado. No entanto, na minha perspectiva este não é pior tipo de desviado, mesmo porque, tais individuos, reconhecem que estão longe de Deus, chorando em virtude de suas transgressões, sentindo saudades dos momentos que estavam em comunhão com Pai.

Isto posto, ouso afirmar que o pior tipo de desviado não é pecador "descarado", mais sim aquele  que vestido pela  roupagem da religiosidade comporta-se como fariseu, criticando tudo e todos,  botando em xeque a igreja, tornando-se assim um desigrejado.

Ora, como já escrevi anteriormente bem sei que alguns verdadeiramente se afastaram porque não eram dos nossos, (I Jo 2:19) outros, porque se decepcionaram ou se feriram na igreja, entretanto, ouso afirmar que existe uma outra parcela dos denominados "desigrejados" que se afastaram por não desejarem se submeter a qualquer tipo de governo. Para estes a livre interpretação da Bíblia, prevalece sobre o livre exame, a espontaneidade sobre a organização, as reuniões caseiras sobre as reuniões no templo.

Tais individuos repudiam qualquer tipo de liderança eclesiástica, abominam rótulos e titulos, fazendo o que bem entendem da vida interpretando a graça de Deus de acordo com suas conveniências e interesses demonstrando que estão desviados da fé.

Lamentavelmente é nessa perspectiva, que tem surgido neste país, os caminhos da graça barata, da liberdade sem responsabilidade e de tantos outros mais, cuja mensagem principal é de uma evangelho light onde objetivo final é a satisfação do freguês.

Para piorar a situação boa parte dos "desigrejados", não desejam nenhum tipo de compromisso cristão. Em geral, essa atitude é gerada por pessoas que cometeram seus deslizes e depois se recusaram a submeter-se ao devido tratamento, pregando um novo "evangelho" onde a graça de Deus foi transformada em álibe para uma vida desprovida de compromisso e santidade.

Caro leitor, entendo perfeitamente que muitos dos cristãos se feriram em virtude dos mandos e desmandos dos coronéis da fé, que com extrema arbitrariedade impuseram sobre o povo de Deus doutrinas absolutamente anti-bíblicas. Entretanto, isso em hipótese alguma justifica o crente em abandonar a "communion Sanctos".

Prezado amigo, a Igreja foi criada por Cristo. Ela é composta de gente falha, pecadora e cheia de limitações, todavia, continua sendo de Cristo.

Diante do exposto, afirmo sem titubeios que continuo crendo na Igreja do Deus vivo como a única coluna e baluarte da verdade.

Faço minhas as palavras do Credo Apostólico: “Eu creio na igreja, pura, santa e verdadeira”.

Soli Deo Gloria

Renato Vargens

Que O SENHOR tenha misericórdia de nós! AMÉM!

Comentários

Professor Érick disse…
Concordo em boa parte com o texto, mas temos que ter cuidado quando rotulamos pessoas e esteriotipamos todos esses de "desigrejados", há casos e casos.

Realmente às vezes alguns tem vontade de serem crentes em casa, não por serem incrédulos, mas por não conseguirem conviver com a mentira de alguns. Continuemos na luta pra que estejamos prontos para a vinda de Cristo.
James disse…
.

Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados.


DESIGREJADOS, SIM... DESVIADOS NÃO!!! (Contra os ‘despropósitos’ de Renato Vargens)

Muitos vêm aproveitando de algumas sutilezas para a defesa da “instituição religiosa com nome de igreja”, porque como tantos outros, crêem na instituição como fundamento de fé...

... mas nós, desigrejados das instituições religiosas, cremos na imaculada Igreja de Cristo, a noiva do Cordeiro, a Igreja santa, orgânica, pura, a qual foi agraciada pelo Filho de Deus em Mateus 16.18, que não tem paredes, não se limita a um espaço físico, constituída por aqueles que professam o nome do Cordeiro de Deus sobre a face a terra, a “universal assembléia e igreja dos primogênitos, que estão inscritos nos céus, e a Deus” [Hebreus 12], porque Deus é o juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados;

... aliás, eu, como desigrejado de uma instituição religiosa com nome de igreja, com a boca tenho confessado ao Senhor Jesus, e em meu coração creio que Deus o ressuscitou dentre os mortos, pois, com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação; porque a Escritura diz: “Todo aquele que nEle crer não será confundido” [Romanos 10]...

... porém, vocês, a maioria dos pastores, dizem que sou desviado, interessante não é??? Mas, “importa obedecer a Deus do que aos homens” [Atos 5];

Enfim, quem experimenta crer no sacrifício de Jesus, individualmente, sentirá o poder de Suas amáveis palavras: “ninguém as poderá arrancar da minha mão!

Que maravilhosa graça e amor, sem outro interesse que não seja VIVER A VIDA ETERNA COM DEUS! Aleluia! Bendito seja Deus por enviar-nos Jesus e nos libertar, portanto, DESVIADOS DE JESUS, IMPOSSÍVEL!

Então por que DESIGREJADOS? Porque vivemos obedientemente como os discípulos de Jesus que saíram debaixo do jugo legalista judaico, ou, em nosso tempo, saímos da instituição religiosa; lembrem-se: “por que tentais a Deus, pondo sobre a cerviz dos discípulos um jugo que nem nossos pais nem nós pudemos suportar?” [Atos 15]...

... optamos por viver a comunhão com Deus e suas ovelhas, apenas, e tão somente estribados no SACRIFICIO VIVO E SANTO DE JESUS! E, para tanto, iremos sempre denunciar os abusos que a maioria das instituições religiosas com nome de igreja vem acometendo com as ovelhas do rebanho de Deus, aliás, isto é uma obrigação de todos os “pastores”, ou esqueceram-se de 1Pedro 5.1-3??

Ora, ora, ora, a maioria dos pastores querem que as ovelhas estejam somente nos curais religiosos, mas, as Sagradas Escrituras nos testificam ao contrário quando simplesmente dizem: “Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo”, portanto, onde está a legalidade bíblica de ser somente as instituições religiosas com nome de igreja o caminho que leva a Deus??
Porque vós (pastores) quereis transferir a si toda autoridade que está em Cristo, o Filho do Deus vivo??

A verdade é que, a maioria dos pastores estão investindo contra os desigrejados das instituições religiosas pela mesma maneira que os sacerdotes investiram contra Jesus em o tempo de Seu ministério terreno, pois que, aqueles tinham medo que Jesus desmascarasse-os quanto aos dolos e mazelas religiosas e os arrebatassem dos privilégios eclesiásticos, e, hoje não é diferente, estão com medo de perder o holofote de serem eles, a maioria dos pastores, o centro das atenções!!!

O Senhor Deus os abençoe e aos seus ricamente.


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.

Fraternalmente,


James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"


...
..
.
Márcio Mendes disse…
Querido irmão em CRISTO James, acho que você não entendeu completamente a frase sobre os desigrejados de que fala o texto sendo assim, que veja de novo, com olhar gramático e entenda que fala dos que não praticam a santidade e não se trata de congregar em igreja, espero que tenha esclarecido sua duvida, e eu não sou pastor, sou servo e apologista do SENHOR.
Fika na Graça!
James disse…
.

Misericórdia, e paz, e amor vos sejam multiplicados.

Irmão Márcio Mendes,

Eu não tenho dúvidas quanto a intenção maliciosa do autor do texto em denegrir os que não frequentam “instituições religiosas com nome de igreja” e seus templos, ele é bem explícito:

Tais individuos repudiam qualquer tipo de liderança eclesiástica, abominam rótulos e titulos, fazendo o que bem entendem da vida interpretando a graça de Deus de acordo com suas conveniências e interesses demonstrando que estão desviados da fé”... mesmo assim, obrigado pela intenção...

O Senhor Deus o abençoe e aos seus ricamente.


Por Cristo. Em Cristo. Para Cristo. Nos interesses de Sua Igreja.

Fraternalmente,


James.
Jesus, o maior Amor
Comunidade "Adoradores em Casas"
Blog "Adoradores em Casas"
Orkut "Adoradores em Casas"
Facebook "Adoradores em Casas"
Twitter “Adoradores em Casas”


...
..
.
.
Tiago Gomes disse…
Glória Deus pela sua vida irmão!!
Visite meu vídeo evangelístico no Youtube:
UMA VERDADE BÍBLICA QUE TODOS DEVEM SABER:
Link: www.youtube.com/watch?v=WLahUNZ443o

Postagens mais visitadas deste blog

5 Expressões Sem Sentido Usadas na Igreja Hoje!

As 5 expressões evangélicas mais sem sentido usadas nas Igrejas
5 – EXORTAR Essa expressão é usada de modo equivocado em 100% das Igrejas. Segundo qualquer dicionário, exortar significa “animar, incentivar, estimular”. Logo, exortar o irmão que está em pecado na verdade não significa repreende-lo. Quem está vivendo no erro não precisa de um incentivo, mas de um auxílio. 4 – LEVITA Essa morreu no Antigo Testamento. Os Levitas eram descendentes da Tribo de Levi, e eram encarregados de TODO O SERVIÇO no Templo. Mas Levita tem sido usado como sinônimo de músico. Besteira pura! Pra começar a música no serviço levítico era a menor das tarefas. A faxina, organização e carregar peso nas costas, isso sim era a parte mais importante do trabalho. Levando em conta que não somos judeus, não somos descendentes daquela tribo e também lembrando que o Templo não existe mais, então estamos dispensados do serviço levítico. Músico é músico. Ponto.
3 – PROFETA Segundo a bíblia, profeta é aquele que revela a von…

95 Teses para a Igreja de Hoje

Reafirmamos a necessidade das 95 teses de Lutero para Igreja. Há uma necessidade de uma Reforma nos dias atuais!
1 – Reafirmamos a supremacia das Escrituras Sagradas sobre quaisquer visões, sonhos ou novas revelações que possam aparecer. (Mc 13.31) 2 – Entendemos que todas as doutrinas, idéias, projetos ou ministérios devem passar pelo crivo da Palavra de Deus, levando-se em conta sua total revelação em Cristo e no Novo Testamento do Seu sangue. (Hb 1.1-2) 3 – Repudiamos toda e qualquer tentativa de utilização do texto sagrado visando a manipulação e domínio do povo que, sinceramente, deseja seguir a Deus. (2 Pe 1.20) 4 – Cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus e que contém TODA a revelação que Deus julgou necessária para todos os povos, em todos os tempos, não necessitando de revelações posteriores, sejam essas revelações trazidas por anjos, profetas ou quaisquer outras pessoas. (2 Tm 3.16) 5 – Que o ensino coerente das Escrituras volte a ocupar lugar de honra em nossas igrejas. Que haja …

Denúncia na igreja do evangelho quadrangular!

PASTORA DENUNCIA LIDERANÇA DA IGREJA DO EVANGELHO QUADRANGULAR Comentário de Wagner Lemos (ex-membro dessa empresa que muitos chamam de Igreja Quadrangular): Como membro da Quadrangular a mais de 15 anos sei de muita coisa ali… e o que é escancarado é nossa liderança corrupta! Que vê as igrejas como empresas e sua membresia como clientes. Tenho um amigo pastor que foi designado para pastorear uma igreja Quadrangular numa cidade vizinha a nossa, e quando retornou me contou com lagrimas nos olhos: A reunião de liderança da minha região é uma vergonha! Tive que ouvir coisas como: Bater metas financeiras… Arrecadação… Propósitos… Não ouve a menção de almas! Apenas dinheiro… Parecia estar numa reunião de empresários sem ser uma… E esse vídeo que achei na internet só comprova aquilo que já sabia a muito tempo! Os pastores do alto escalão, normalmente os responsável por cada região sobrevivem das igrejas de bairro. Os pastores se viram como podem para manter a igreja e ainda enviar a porcent…